quinta-feira, janeiro 01, 2004

Acho que ando a ser "cornuda"

Tenho reparado que entre o gajo e a vizinha da frente existem uns certos olhares cúplices, será impressão minha? ou andarei a levar com eles? bem pelo menos vejamos pela positiva, anda a foder no quarteirão, ou seja quase em casa! Tenho que averiguar isto.

sábado, dezembro 13, 2003

UM MÊS DEPOIS, TUDO PIOROU.

Será que as coisas ainda podem piorar? O sexo está uma merda, já nem o posso ver, só me apetece estar com o pessoal amigo, chega a casa e parece que eu sou a empregada, esquece-se que tem duas filhas e que são umas pestes!
Eu trato do banho delas, do jantar, da roupa, enquanto ele vê tv, se lhe peço para fazer algo, responde-me com ar irónico, não precisas que faça mais nada? como se um pintelho que lhe peço para fazer fosse muito, comparado com tudo o que faço.
Será que ele acha que a roupa vai parar sózinha às gavetas? Esquece-se que tem de se lavada, estendida, passada a ferro e arrumada nas gavetas. Acham isto normal?
Depois deste stress todo e de andar a gozar comigo diariamente ainda quer dar o pirafo da ordem, como se nada tivésse acontecido, ele que vá bater uma!

terça-feira, novembro 11, 2003

GRITO DE DESESPERO.

hoje acordei especialmente neurótica, juntei-me há 4 anos com o pai das minhas filhas, estou casada há 2 e parece que "a coisa" está a tomar proporções cada vez maiores e mais dramáticas.
Quando nos juntámos ele era um mimo, andava sempre aos beijinhos e abraços, muito mimoso, muito apaixonado, era do género de me levar o pequeno-almoço à cama, de me fazer grandes declarações de amor, andávamos sempre em lua-de-mel. Quando finalmente decidimos passar a nossa relação para o papel, porque engravidei das minhas filhas, passou-se completamente!
Começou a jogar à bola, (exactamente na altura exacta, ou seja quando eu mais precisava dele), afastou-se de mim, deve ter sido da barriga (não se conseguia aproximar mais). Porra, passei-me também, começei a andar de mau humor, o sexo que antes me sabia tão bem começou a ser rotineiro e desinteressante, começei a olhar para outros gajos com "olhos de mulher", então começou a saga, cagámos um no outro, suportávamo-nos e mal!
Porque é que os homens mudam tanto, alguém me sabe explicar?